quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Entrevista com o autor Adriano Siqueira

Olá minhas Ladys e Lords, hoje eu sou um ser empolgado, ansioso e feliz, muito feliz por essa postagem de hoje!
De uns meses pra cá ando muito "vampírica", buscando contos, animes e filmes um pouco mais que o rotineiro, e então resolvi procurar uma pessoa que entende muito bem do assunto e fazer uma entrevista para matar as minhas curiosidade e a de vocês também!
 Adriano Siqueira é um dos autores nacionais de contos vampíricos que eu mais admiro pela imensa criatividade de criar um conteúdo maravilhoso sobre o tema. Foi super gentil e aceitou na mesma hora responder algumas perguntinhas pra nós. Ainda chegou a dar explicações por demorar um pouco a responder... MAS finalmente respondeu e respondeu muitíssimo bem a todas elas!
O blog dele foi o primeiro que conheci onde o mesmo escrevia sobre o tema com história incríveis, acompanho desde 2009, quando entrei na blogosfera, e acompanho até hoje nas redes sociais!
.
Então vamos a entrevista?



Lady Dark's † Como foi que decidiu que iria ser escritor?

Adriano Siqueira: Contar histórias era algo que eu queria fazer desde que comprei um computador em 1996. Ainda não existia internet, apenas sistemas como a BBS que proporcionava contatos com outras pessoas através de emails offlines. Quando a internet começou a aparecer aqui no Brasil eu já tinha 50 mini contos para colocar em um site. Assim pude conhecer mais leitores e me tornei um escritor de internet. Só em 2008 foi possível a minha primeira participação em um livro de antologias.

LD's † Como conheceu a Literatura de horror e como começou sua paixão por Vampiros?

A.S.: Conheci as histórias de terror nas revistas em quadrinhos que eu comprava na década de 70 e também dos filmes que passavam de noite na TV. Ainda não havia TV a cabo e nem por assinatura e por isso tínhamos que esperar até de noite para ver programas de Terror. Cine Mistério e Corujão eram os programas que passavam e lá tinha muitos filmes interessantes. De vampiros e zumbis. Na década de 80 eu comecei a ler muitos livros de terror. A profecia, O iluminado, O Bebê de Rosemary, O exorcista, etc.

Coleção de Adriano Siqueira


LD's † Você acredita em vampiros?

A.S.: Acredito em muitas criaturas sobrenaturais. Sou também supersticioso. Mas também acredito que tudo tem um propósito para existirem. Não vejo o vampiro como um ser que fica escondido, mas que está presente e sabe como conviver com os humanos. Vampiros geralmente conhecem muito sobre humanos. Ele se alimenta deles. Por isso deve conhecer bem o suficiente para os humanos irem até eles.

LD's † Quando você começou a escrever histórias com esse viés? Aliás, muitos consideram que a literatura de horror é a nova febre, o que pensa sobre isso?

A.S.: Sim, as histórias de Horror sempre chamaram bastante a atenção no Brasil. Lembro que quando era mais jovem eu chega a ouvir no rádio programas de histórias de terror. Estilo radionovelas. Eram apavorantes. A música de suspense eram bem altas e davam um susto. Histórias de Fantasmas eram as mais aterrorizantes.  Eu morria de medo de histórias assim. Com o tempo o medo acabou e virou curiosidade. Ao ler muitas histórias em quadrinhos e filmes acabei escrevendo histórias.




LD's †Ainda falando no seu fascínio por vampiros, você tem um monte contos, grupos, fanzine... Poderia nos contar um pouco sobre eles?

A.S.: Acho que quando ficamos muito tempo na estrada acabamos criando mais formas de conquistar mais público. E eu fiz de tudo. Escrevi histórias, criei radionovelas, Fiz sites sobre o tema, Fiz curtas de animação em stop motion e também produzi curtas com efeitos especiais. Idealizei um grupo que reunia muitos escritores de vampiros (tintarubra) fiz site sobre o tema (Adorável Noite) que chegou a virar fanzine com histórias de horror e vampiros, mas o que fiz mais mesmo foram os contos, escrevi muitos contos de vampiros e horror. Em 2015 cheguei a escrever 80 histórias para o meu blog.


LD's † Qual é a sua opinião sobre obras que modificam radicalmente o mito do vampiro, como Crepúsculo? Você leu alguma destas obras?

A.S.: O tema “vampiro” é muito eclético e mesmo em outros países a lenda dos vampiros são bem diferenciadas. Os vampiros tem um ponto de vista diferente em cada escritor. Cada um trata os vampiros de uma forma que atrai a atenção. Existem leitores que preferem o vampiro tradicional o estilo Bramstokeano, mas existem também os que querem algo novo. Mas no geral, todos os leitores querem uma história que tenha muita sedução, suspense, mistério e ação. O terror nos vampiros de hoje as vezes é moderado. A violência diminuiu muito. Cabe aos escritores criarem mais histórias que resgatem o horror dos vampiros.  



LD's † Sabemos que tem um blog onde costuma postar seus contos vampíricos. Nos conte mais sobre ele e fique pra vontade pra divulgar!

A.S.: O Blog www.contosdevampiroseterror.blogspot.com tem um vasto arquivo de contos e mostra muito o que escrevi ao longo dos anos. Neste ano eu completo 20 anos de escritor. Muitas e muitas histórias que escrevi estão neste blog. As aventuras do Vampiro Neculai tem 69 histórias sobre ele. É um vampiro bem moderno que usa o celular para aterrorizar as suas vitimas. Todas estas histórias estão no Blog. Tem também matérias sobre vampiros e pesquisas que fiz sobre o tema. Além de também ter fotos de eventos que participei e fotos das minhas coleção de vampiros. Vale a pena conhecer este blog.



LD's † Um dos personagens que criou, Neculai, adquiriu fama na internet. Qual a sua maior inspiração para cria-lo? Pode nos falar um pouquinho sobre ele?

A.S.: As aventuras do Vampiro Neculai tem 69 histórias sobre ele. É um vampiro bem moderno que usa o celular para aterrorizar as suas vitimas. Todas estas histórias estão no Blog. Este vampiro tem conquistado um bom número de leitores, pois as suas historias falam do cotidiano no Brasil. Ele tenta ser presidente e para isso ele manipula as pessoas com o seu poder e sedução. Existe muito suspense e horror em suas histórias. Esta sendo produzida uma série televisiva sobre ele e logo terei mais detalhes sobre isso. Confira as suas histórias no link: 



LD's † Ainda sobre Neculai, pretende lançar algum livro sobre ele? Estou esperando ele me ligar ok? Kkkkkkk.

A.S.: Ah sim a ideia sobre o livro é bem concreta. Quando comecei a escrever as suas histórias esperava apenas colocar no blog mas o sucesso sobre o Neculai foi tão grande que os leitores me pediram para escrever um livro sobre ele. Certamente vou esperar que uma editora me procure para que eu possa realizar o sonho deste leitores. Muitos querem ler o Vampiro Neculai em um livro. E sim! Neculai adora os seus fãs e geralmente adora conversar com o seu público. Ele adora propaganda.

LD's † Tem outros contos publicados Além do “Amor Vampiro” e “Adorável Noite” relacionados ao tema de horror?

A.S.: Tem muitos, já participai de 13 antologias e todas tem histórias minhas sobre vampiros e terror. Algumas estão no blog outras em livros mas ainda tem algumas inéditas que vou colocar em livro no ano que vem.



LD's † Quais são seus livros ou filmes de vampiro preferidos, que você indicaria?

A.S.: A relação é grande pois não só aprecio as histórias como também os livros sobre a lenda dos vampiros e também os documentários. Tenho muito sobre isso. Sou um colecionador e costumo pesquisar sempre. Filmes e livros sobre o tema vampiros para iniciantes, indico os seguintes:

Todos os filmes de vampiros do Christopher Lee

Também recomendo:

Nosferatu uma sinfonia de horror 1922
Drácula 1931 com o ator Bela Lugosi
Drácula 1979 com o ator Frank Langela
Drácula 2000 com o ator Gerald Butler
Drácula 1973 o demônio das trevas com o ator Jack Palance
Drácula de Bram Stoker do Ford Coppola
Entrevista com o vampiro
Anjos da Noite
Blade
Vampiros de John Carpenter
Os garotos Perdidos
A Hora do Espanto

Os Livros:

Drácula
O Iluminado
A Profecia
A hora do Vampiro
O Exorcista
As possuídas

LD's † Um passarinho negro me contou que você tem uma coleção magnifica em casa. Pode contar mais sobre ela?

A.S.: Sim! A coleção é vasta e existem muitas raridades em histórias em quadrinhos, bonecos, discos, filmes, livros e já estiveram expostos em bibliotecas e eventos. Tenho um blog com algumas fotos das minhas coleções:

Coleção de Adriano Siqueira


Coleção de Adriano Siqueira


LD's † Você acha que a literatura de horror a nível nacional é menos apreciada, ou tem maior dificuldade que livros de cunho estrangeiro em relação a vendas e divulgação?

A.S.: As histórias de autores nacionais são boas, mas a dificuldade de divulgar é bem maior do que os livros estrangeiros. Alguns autores nacionais deveriam investir mais em divulgação e não só dar livros para blogs. Acredito que os leitores gostem de boas histórias indiferente se ela foi escrita por um autor estrangeiro o nacional. Sou grato por minhas histórias serem conhecidas. A internet é um ótimo meio para divulgar histórias. Leitores adoram. Eu divulguei muitos livros e ajudei muitos escritores. Mas as vezes é impossível competir com a divulgação feita pelas editoras estrangeiras. Enfim a internet as vezes acaba igualando um pouco mas nunca é o suficiente. 

LD's † Quais autores nacionais, sob essa temática mais obscura nos indicaria?

A.S.: Complicado. Conheço muitos e acho injusto eu destacar só alguns, Tem muito escritor bom que lança livros por editoras ruins e muitos escritores ruins que lançam livros por editoras que só querem o dinheiro do escritor. Eu sempre vejo o autor nacional batalhando para vender seu livro. Eu indicaria os autores que participam de eventos e os que mostram um pouco dos seus trabalhos literários em sites e blogs. Estes sim merecem um valor pois estão mostrando para o leitor o que fazem. 

LD's † Então, suas histórias são apreciadas por muita gente do meio alternativo, mais precisamente pela subcultura gótica. Como vê a situação da subcultura no nosso país?

A.S.: Mudou muito perto do que era uns 10 anos atrás. A cultura gótica teve seus altos e baixos. Eu entreguei muitos fanzines de contos de vampiros e também convidei escritores para alguns eventos góticos em São Paulo, foi uma boa época. Agora estou morando em Curitiba e espero continuar este trabalho.



LD's † Para finalizar, poderia nos contar um pouco sobre sua experiência com a escrita, com o processo de publicação e o contato com os leitores, se há muitos góticos? E, claro, deixar um recadinho para os nossos leitores?

A.S.: Sempre estou aprendendo mais. Vejo minhas histórias do passado e as que escrevo agora, melhorei muito e aprendi a construir meu próprio estilo. Este jeito de escrever que faço usando muitos diálogos atraem muitos leitores. Acredito que para fazer um próprio estilo leva mesmo muito tempo, mas vale a pena o resultado. Os góticos gostam dos meus poemas noturnos e contos vampíricos. Os fanzines que eu entregava nas casas góticas tinham muitos poemas e contos meus e de outros autores.
Eu agradeço muito o apoio dos leitores e aprecio e leio os comentários deles. Acho importante estar interatividade com o leitor. Eles ajudam bastante a fazer um bom argumento e são pessoas que admiro pois gostam do que escrevo.

Obrigado todos os leitores deste seu espaço e agradeço a leitura desta entrevista. 

Eu que agradeço Adriano, por ter sido tão gentil, atencioso e preocupado em se justificar! Obrigada por suas histórias maravilhosas e não deixe nunca de fazer seu trabalho maravilhoso!

Então meu leitores, espero que tenham gostado da "pequena" entrevista.

Beijos vampíricos e até a próxima postagem!

2 comentários:

  1. Ficou excelente a entrevista. Muito obrigado por tudo que faz para divulgar a cultura noturna. parabéns pelo blog. :-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagina, Adriano, Eu que agradeço por ter aceitado dar a entrevista de bom grado! Obrigada :)

      Excluir

† Ladys e Lords, os comentários são moderado, não se preocupem se não aparecer na hora. Leio sempre todos e respondo com o maior carinho ok?!

† Se puder se identifique, fico muito feliz de saber quem é!

† Comentários maldosos e desrespeitosos serão excluídos e ignorados. Se não gostar do que está lendo simplesmente se retire, não baixe o nível!

Bjinhos a todos ♥